13_Resenha: Trouxeram a má notícia!

edicão 001 Maria Letícia de Oliveira Reis Obra resenhada: Misoginia e Psicanálise. São Paulo: Larvatus Prodeo, 2022 Sob a ansiedade das eleições que se aproximam, eu me debruço na leitura de Misoginia e Psicanálise, livro recém-publicado pela editora Larvatus Prodeo.  O livro é efeito dos encontros – ainda presenciais, semanais, nos idos de 2015 a […]

12_ Uma história sobre a psicanálise e a coisa pública: escuta como não repetição

edicão 001 Maria Ribeiro, Anna Turriani Minha mãe querendo um filho memorando Se a vossa tarefa de história não estiver decoradanão ireis à missano domingocom vossos trajes domingueiros Esse menino será a vergonha do nosso nomeesse menino será nosso Deus nos acuda Calai a bocaJá não vos disse que deveis falar francêso francês da Françao […]

11_O público na clínica e na formação psicanalítica: uma aposta coletiva

edicão 001 Augusto Ribeiro Coaracy Neto, Ana Carolina Leão Martins (Carol Leão), Linnikar Glória de Castro Lima, Luciana Bastos Neiva, Marina Buriol Zampirolo e Samantha Alflen O que queremos dizer quando dizemos clínicas públicas? Adentramos uma tarefa sem saber o que nos aguardava. E não é sempre assim com as tarefas mais interessantes? Ao longo […]

10_Por uma psicanálise desvencilhada do eurocentrismo e do elitismo

edicão 001 Wilson Franco Proposta Esse texto pretende apresentar uma problematização preliminar acerca da dependência da psicanálise do contexto “ocidental”, “moderno” e “europeu” de onde historicamente deriva. Minha avaliação preliminar é que o eurorreferenciamento peculiar à psicanálise não é fundamental, ainda que seja incontornável em termos discursivos, narrativos e (obviamente) históricos; o que isso significa […]

08_Democratização da formação em psicanálise: por um giro antirracista

edicão 001 Érico Andrade Introdução A discussão sobre a formação em psicanálise num país tão desigual como o Brasil não pode obliterar as barreiras de gênero e raça para a entrada e permanência nos processos de formação, protagonizados pelas instituições de psicanálise. Esse imperativo, contudo, não diz respeito apenas às questões materiais, cuja urgência é […]

07_O trabalho do gênero no fazer psicanalítico

edicão 001 Patricia Porchat Atualmente o trabalho clínico com as identidades trans no Brasil se beneficia do avanço que ocorreu no campo psicanalítico, nos últimos anos, quanto à compreensão da importância do conceito de gênero. Por “identidades trans” entendemos um conjunto de identidades de gênero autopercebidas ou autorreferidas que incluem as pessoas travestis, transexuais, transgênero, […]

06_A trajetória de um luto: para você, meu pai

edicão 001 Cristiane Izumi Nakagawa Mesmo anunciada, foi inevitável: a morte adentrou minha alma e a despedaçou quase que completamente, deixando para trás apenas farrapos que talvez mais por instinto do que por qualquer outra coisa insistiam em não deixar a alma se desintegrar por completo. Farrapos que por ter suas bordas repentinamente desfeitas emanavam […]

05_Emoções da Guerra Fria: o amor materno e a guerra em torno da natureza humana [1]

edicão 001 Marga Vicedo Introdução: o que o amor tem a ver com a Guerra Fria? A Guerra Fria abrange um período de profundas transformações sociais e intenso debate acerca dos papéis de gênero, da estrutura familiar e das relações que ambos possuem com a ordem social. Historiadores americanos examinaram o impacto da II Guerra […]

04_Psicanálise: ocupação ou um puxadinho da história?

edicão 001 Clarice Pimentel Paulon O lugar da psicanálise Falar sobre o lugar da psicanálise em determinado espaço sempre se concretiza a partir de um incômodo (Freud, 1919/2021). Essa sensação se dá porque a psicanálise se constitui de forma anômala[1] nas suas relações, sejam elas públicas ou privadas. No espaço público, articula-se ao Estado, por exemplo, […]